ARTIGOS

  • Dos Princípios da Razão Natural, como, entre outros, é a Justiça, e que coisa seja essa, como se exercita e guarda nos Contratos

    A justiça, que ordena e conserva a ordem social, é e há de ser uma constante e firme vontade de dar a cada um o que lhe pertence.

    por Padre Tomás de Mercado, O.P.

    Publicado em 21 de outubro de 2012

  • Apreciar Milton

    Milton é o individualista do século XVII. Milton é o perfeito calvinista: o homem inteiramente só com seu Deus. Milton é, também, o perfeito artista: o homem inteiramente só com sua arte.

    por G. K. Chesterton

    Publicado em 20 de outubro de 2012

  • Falibilidade e Liberdade

    O reconhecimento de nossa falibilidade conduz ao "falibilismo" metodológico em nossas observações sobre o mundo real, em que nossas teorias serão consideradas como verdadeiras até que venham a ser rejeitadas pelos fatos.

    por Ubiratan J. Iorio

    Publicado em 19 de outubro de 2012

TRADIÇÃO DA LIBERDADE

  • Lorde Acton

    Lorde Acton

    "É ruim ser oprimido por uma minoria, mas é pior ser oprimido por uma maioria. Há uma reserva de poder latente nas massas que, se posto em ação, a minoria raramente consegue resistir. No entanto, da vontade absoluta de todo um povo não há recurso, não há redenção, não há refúgio, a não ser a traição".

  • Santo Tomás de Aquino

    Santo Tomás de Aquino

    "Cada um é mais solicito na gestão do que lhe pertence como próprio, do que no cuidado do que é comum a todos ou muitos. [...] As coisas humanas são tratadas com mais ordem, quando o cuidado de cada coisa é confiado a uma pessoa determinada, ao passo que reina a confusão quando todos se ocupam indistintamente de tudo".

LIVROS

CONECTE-SE CONOSCO