8 alimentos que causam gases e que deve evitar

Se, com frequência, notas, o ventre inchado, sofre de dor abdominal ou sofre de desconforto flatulência, talvez a causa esteja no consumo habitual de alguns dos alimentos que mais gases podem chegar a produzir no organismo.


São, em geral, alimentos ricos em hidratos de carbono, alguns de lenta absorção, algo saudável, mas que costuma envolver digestões mais longas que favorecem o aparecimento de gases. Frutas, legumes ou verduras e legumes contêm fibras solúveis e insolúveis, indispensável e benéfica, mas também é propensa a gerá-los.


Entre os alimentos que deve evitar, ou ao menos moderar o seu consumo, para reduzir os gases irritantes, destacam-se:


1. Legumes


Lentilhas, grão-de-bico e feijão são fonte de carboidratos e fibras, por isso, para manter os gases em níveis moderados deve ser cozido bem, para que fiquem o mais suave possível, e masticarlas a consciência para assim facilitar o processo digestivo. Um truque para que sejam suaves e provoquem menos flatulência é parar o cozimento acrescentando água fria uma ou duas vezes enquanto se guisan.


Estas são as leguminosas mais saudáveis

melhores legumes quais são

2. Legumes e produtos hortícolas


É claro que não se trata de eliminar esses alimentos tão saudáveis em sua dieta, mas quando a preparar suas menestras ou seus legumes ao vapor, tenha em conta aquelas que mais gases produzidos e evita-las juntas, pode até tentar suprimir alguma do menu por uma curta temporada. Couve-flor, repolho, brócolis, couve de Bruxelas, alcachofras, cebola, alho poró, pimentão e rabanetes são as que mais gases gerados.

legumes verduras cruas

3. Frutas e sucos


É o seu alto teor em açúcares (frutose), o que faz com que a ingestão de grande quantidade de frutas e sumos favorece a presença de gases, especialmente se tomadas com a pele. A maçã, ameixa, pêra e uvas estão à cabeça do particular, este ranking. Para aliviar os sintomas, procura levá-los maduras e descascadas.


4. Leite de vaca e derivados


Não produzem o mesmo efeito em todo o mundo, mas para algumas pessoas, os lácteos não lhes sentir nada bem e lhes provocam gases com facilidade. Se isso acontece com você, pode ser que você tenha intolerância à lactose, já que, a presença de carboidrato (açúcar) no leite é a causa de algumas doenças gástricas, flatulência incluídas. Entre os derivados lácteos que mais gases produzem – se a nata e os molhos e cremes feitos com queijos gordos. Se você tem tendência, evítalas.


Alternativas ao leite de vaca


leite de vaca de boa ou má

5. Adoçantes


Você podese perguntar como posso ter gases se eu só tenho tomado um doce sem açúcar? Pois é assim. Alguns adoçantes, como o sorbitol ou manitol, comuns em pastilhas elásticas e rebuçados sem açúcar, são por vezes os causadores da desagradável e dolorosa sensação de barriga inchada.


Adoçantes naturais e saudáveis alternativos ao açúcar


Até que ponto são perigosos os adoçantes?


6. Refrigerantes e bebidas com gás


O gás que contribuem diretamente para o nosso organismo é algo evidente, mas, além disso, não há que esquecer os aditivos e adoçantes incluídos na maioria dos refrigerantes comuns.


Outros efeitos negativos dos refrigerantes



7. Frituras e carne


Em concreto, trata-se de qualquer alimento que se fria e a carne muito feita. Você deve evitar ambos os tipos de alimentos, se quiser que os problemas que lhe causam os gases diminuam de forma notável.



8. A massa


Feita à base de cereais, para muitos, é al dente, como deve ser tomado, mas se o seu objetivo é reduzir gases, é preferível aumentar a poucos minutos da cozedura.


comer massa para perder peso


Não só os alimentos que produzem mais ou menos gases, também influencia a nossa maneira de comer. Tome o seu tempo, mastiga bem e tente não engolir ar enquanto o faz. Além disso, beba água quando tiver terminado. Simples e práticas que dão bons resultados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *